organização-personal-organizer

Oi pessoal, tudo bem com vocês?

Hoje eu quero contar pra vocês como funciona o processo de organização feito por uma Personal Organizer – euzinha da Silva.

Para que a gente organize bem o espaço da nossa cliente, existe um roteiro, um passo a passo, que se for seguido, garante um resultado muito mais interessante pra que vai usufruir dessa organização depois.

O princípio dos 4 C’s são a base, o ponto de partida. E embora ele seja usado por nós, as Personal Organizers, ele também pode ser adaptado para que você que gosta de organizar, tenha um roteiro certeiro para ter sucesso no processo de organização.

Os 4 C’s, são:

  • 1º Consolidar
  • 2º Categorizar
  • 3º Concretizar
  • 4º Conservar

Vou esclarecer aqui abaixo o que significa cada um dos C’s.

1º CONSOLIDAR

Entenda CONSOLIDAR como planejamento. Essa é a etapa em que a gente vai estudar o espaço, antes de colocar a mão na massa. Vamos entender bem o seguinte: 

  • ❗️o que você precisa 
  • ❗️o que você quer
  • ❗️qual o espaço que você tem

Ah, Mila, eu trabalho fora e acabo passando o dia inteiro na rua, então levo uma bolsa grande comigo todos os dias. Eu PRECISO de um lugar para essa bolsa ficar, não dá pra ficar jogada no sofá. Sabe aqueles ganchos estilosos que as pessoas colocam perto da porta? Então, eu QUERIA um desses pra pendurar a minha bolsa logo que chego em casa. E eu TENHO UMA PAREDE VAZIA perto da minha porta de entrada.

Então, Julieta, agora que a gente sabe o que você PRECISA, o que você QUER e sabemos que o seu ESPAÇO é suficiente, vamos adotar a solução do gancho para a sua bolsa!

Sacou?

2º CATEGORIZAR

O segundo C, CATEGORIZAR, é o momento de separar TUDO o que será organizado por algum critério que faça sentido. Vamos pegar suas roupas, por exemplo, e fazer pilhas por similaridades:

  • ❗️tipo
  • ❗️cor
  • ❗️tamanho
  • ❗️frequência de uso
  • ‼️Ou qualquer outro critério que seja relevante.

É na categorização que a gente começa a colocar a mão na massa. Inclusive, ela é a base para um processo de descarte inteligente, que vai estar acontecendo em paralelo a isso. Mas eu não vou me estender sobre esse processo porque tem 2 posts aqui no blog dedicados inteiramente a isso, é só clicar nos links abaixo 👇🏻

Processo de descarte inteligente: conheça meu método

Descarte: o inicio do processo de organização

Categorizamos?

Agora vamos começar a organizar, que é o nosso objetivo desde o início. Vamos pegar o que foi estudado lá na etapa CONSOLIDAR e decidir onde cada coisa fica melhor acomodada, quais os produtos organizadores que precisam seu adquiridos – e SE precisam ser adquiridos – e organizar tudo para que fique funcional e visualmente agradável também, né?

3º CONCRETIZAR

Agora, chegou a hora de fazer o passo mais importante para que a organização se mantenha.

Eu sempre vejo o mesmo comentário das pessoas:

Ah, Mila, pra mim é meio difícil manter tudo organizado, sabe?

Sei.

E isso frequentemente acontece porque as coisas não estão identificadas. Se você mora com mais pessoas na mesma casa, essa dificuldade de agrava. Todo mundo precisa saber onde procurar o que precisa e, principalmente, ONDE COLOCAR DE VOLTA.

Então, CONCRETIZAR é identificar o que foi organizado, escrevendo o conteúdo das gavetas, caixas, prateleiras e espaços para que todo mundo que mora na casa saiba exatamente onde cada coisa deve ser procurada na hora de usar e onde deve ser colocada de volta.

Pra CONCRETIZAR a organização a gente pode usar:

  • ❗️etiquetas
  • ❗️cores
  • ❗️imagens
  • ‼️ou até desenhos feitos pelas crianças pra que elas identifiquem os espaços delas bem facinho!

Identificar tudo ajuda bastante a manter tudo no lugar sem ter que ficar tentando lembrar onde guardar cada coisa.E ainda ajuda demais a manter a ordem na casa.

4º CONSERVAR

Essa é a etapa que acontece dias depois de todo o processo de organização ter terminado. Nem sempre todas as soluções de organização que a gente encontrou baseadas nos primeiros 3 C’s acabam sendo as mais adequadas. E isso acontece pra tudo na vida, gente!

Se a gente não verificar depois se está funcionando mesmo e fazer os ajustes necessários para o que não está funcionando, o processo de organização não está completo.

Essa análise posterior é muito importante. Ninguém precisa acertar de primeira, mas a gente precisa, sim, verificar e corrigir os erros.

Agora acabou!

E pra finalizar, eu tenho uma curiosidade sobre vocês. Me respondam nos comentários: você é do tipo virginiano que ama se organizar sozinho e amou ter um guia para fazer isso cada vez melhor, ou é do tipo que precisa terceirizar essa parte para que uma PO faça isso por você?

Abraços e até semana que vem!

Deixe um Comentário